5 dicas para não danificar os fios ao descolorir


descolorir-cabelo-destaque

Descolorir os cabelos é um processo de clareamento dos fios e pode ser usado por qualquer pessoa que deseja pintar as madeixas de loiro, ruivo ou qualquer cor fantasia e que precisa de uma base clara para fixar o pigmento da tinta de cabelo. Porém, ao contrário do que se possa pensar, existem cuidados essenciais antes e depois que precisam ser realizados para que a saúde capilar possa ser mantida.

No processo de descoloração, a escama que protege o fio – cutícula – é aberta para a retirada da melanina e, junto dela, o cabelo perde um pouco de massa capilar e muitos nutrientes, que chamamos de “cimento intercelular”. Dessa forma, ocorre um inchaço dessas fibras o que as torna bem permeáveis. Para não danificar o fio durante esse processo, existem 5 dicas que são bem úteis se seguidas à risca. Vamos lá!

1) Prepare o cabelo antes de descolorir

Para que o processo de descoloração não cause nenhum dano grave aos cabelos, é necessário que a pessoa adote uma rotina de cronograma capilar, que deve ser mantida sempre já que é ela que irá garantir que as madeixas estejam sempre hidratadas e cuidadas. Se está nos planos descolorir o cabelo, comece algumas semanas antes para que o cabelo tenha tempo de ter sua necessidade de água, lipídeos e queratina suprida.

2) Procure um profissional qualificado

Pode ser até tentador descolorir o cabelo em casa, mas podemos garantir que não vale o risco. Sempre procure um profissional qualificado e de confiança que possa realizar o procedimento com toda a técnica e equipamentos necessários. Se arriscar sozinha pode não só danificar de forma profunda os fios quanto não te dar os resultados esperados.

3) Realize o teste de mecha

Mesmo que seja com um profissional, é importante verificar se o teste de mecha foi feito. Ele garante que o cabelo realmente esteja pronto para receber o processo químico sem quebrar. Basicamente, ele consiste na aplicação da mistura de água oxigenada e pó descolorante em uma mecha da nuca.  Se ao puxar o fio da mecha ele permanece firme, o cabelo todo pode seguir o processo de descoloração. Caso apresente aspecto elástico, poroso ou se quebre, volte duas casas até a dica 1 garantindo que os cabelos estejam suficientemente saudáveis para receber a química.

4) Tenha paciência durante o processo

Já ouviu que quem tem pressa come cru? No caso da descoloração, quem tem pressa danifica o cabelo e vai demorar mais que o dobro de tempo para restaurar o estrago causado nesse processo. Para reduzir o ressecamento e enfraquecimento, os dermatologistas capilares recomendam que sejam feitas duas sessões de 25 minutos, com pequenos intervalos, para que alguns nutrientes permaneçam nos cabelos.

5) Continue sua rotina de cuidados

Se uma rotina de cuidados já é essencial antes da descoloração, imagina depois de receber a química nas madeixas. Após alcançar os resultados desejados, continue sua rotina de cronograma capilar com foco na reconstrução. É ela que irá repor os nutrientes para a restauração completa do fio danificado (porque dizer que ele não será danificado de forma alguma é mentira) pela descoloração.

A Cosmezi tem uma linha de produtos que alia alta tecnologia para descolorir e tratar os cabelos descoloridos e loiros. Confira nossos produtos e comece agora a cuidar das madeixas para resultados ainda mais incríveis.

Anterior 5 cuidados básicos para ter uma barba de respeito
Próximo Cabelos quebradiços: como reconstruir os fios

Nenhum comentário

Escreva um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *